Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Um treinador de excelência

Naçao Valente, em 13.02.24

Rúben Amorim chegou ao Sporting como treinador, no início da carreira e ainda sem ter o nível regulamentado para exercer essas funções. Tinha começado no Casa Pia e chegado a técnico principal do SC Braga havia poucos meses, com algum êxito.

Screenshot (1266).png

Os adeptos receberam-no com alguma desconfiança, em geral, tendo os mais moderados, considerado que era uma aposta de alto risco. O presidente Frederico Varandas foi muito criticado, sobretudo por ter pago uma cláusula de rescisão bastante elevada e para os mais radicais, que ainda não perceberam que os treinadores são profissionais acima dos clubes, não deveria ter sido contratado por ser “lampião”.

Desta vez aquelas claques que interferiram negativamente durante muitos anos na vida do Clube, não tiveram hipóteses de influenciar essa escolha, como acontecera anteriormente com a contratação de Mourinho, que viria a ser um dos melhores do mundo.

A estrutura que o contratou reconhecia que havia riscos, mas partiu de uma observação ponderada e de indicadores positivos. O Rúben Amorim tinha consciência que seria uma tarefa difícil mas melhor do que observadores externos, conhecia as suas capacidades. Daí a célebre frase “e se der certo?”. E deu.

Com um plantel sem grandes “craques” e recorrendo a um bom número de jovens, criou uma equipa unida e combativa, que os adversários desvalorizaram. Jogo a jogo, vitória a vitória conquistou e cimentou o primeiro lugar. Com competência, alguma estrelinha e sem espectadores nos estádios, ganhou o campeonato que ninguém previa. Mostrou a sua fibra de técnico e sobretudo de condutor de homens.

Durante estes anos, como pessoa inteligente, evoluiu muito como técnico e podemos dizer sem reservas que é hoje um treinador de excelência. A equipa actual, muito diferente da que ganhou o título, joga à imagem do técnico, um futebol de excelência. Valorizou-se com poucas aquisições, que têm mostrado ser mais-valias. E para além de valores individuais, sobressai o colectivo. Enche o olho ver a equipa jogar, com fio de jogo, trocando a bola com rapidez, quase de olhos fechados e baralhando de todo as defesas mais aguerridas. Não há campeões antecipados, mas esta equipa tem competência para chegar ao título.

Rúben Amorim, como bom condutor de homens que é, sabe motivá-los e exponenciar as suas potencialidades. Veja-se o que fez com jogadores quase desconhecidos... Diamonde, Gonçalo Inácio, Pedro Gonçalves, Morita e até Gyokeres ou Hjulmand, que “explodiram” no Sporting. E que dizer de Quaresma, Geny Catamo ou até de Trincão?

Um dia pretenderá decerto continuar a sua carreira noutros horizontes e em patamares mais elevados, mas também dá a ideia clara que gosta muito de estar no Sporting, onde quer conquistar mais títulos. Acredito que a Direcção deseje mantê-lo mais anos à frente do Clube. Se e quando sair, deixará a sua marca notável na recuperação do Sporting a nível desportivo e financeiro. E não deixará de ter um lugar digno na história do Sporting e na memória de muitos sportinguistas.

publicado às 02:35

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


19 comentários

Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 13.02.2024 às 12:29

Nação Valente,
Excelente texto!.
Pim, pam pum...😊

R.Amorim é daqueles tipo de treinador que sai 1 em cada 1.000.000
Jovem, ambicioso, eloquente, elegante, moderado, empático e simpático. Sabe sentir o jogo e tem estrelinha(todas as pessoas de sucesso tem essa caraterística). E tem cara de bolachinha que cai bem a todo o mundo(outra caraterística que só os sortudos deste mundo têm😅)

Ver e desejar ver o R.Amorim noutros patamares. Sim, eu também.. e seja bem aventurado ao comando dos destinos do Sporting Clube de Portugal, noutro patamar.

P.S. Que o nosso Frederico Varandas tenha tanta visão e audácia como teve, ao pagar a exorbitante soma de 13 milhões de euros por um treinador português, para jogar a Liga Portuguesa ou a loucura dos 24 milhões por Gyökeres.
Bora lá, Freddy!. 🤞
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.02.2024 às 13:14

Carlos N.T.

Um gosto vê-lo comentar. Traz sempre uma nota de humor. Rúben Amorim é hoje consensual no mundo leonino por mérito próprio. Espero que continue a ser, mas o mundo do futebol é muito volúvel.

Mesmo com eventuais altos e baixos, gostaria de o ver muito tempo no Sporting, mas realisticamente sei que a ambição natural das pessoas e o vil metal condicionam tudo o que mexe. O tempo de Amorim no Sporting não depende apenas dos nossos desejos, mas acredito que, pelo menos, cumpra o seu contrato..
Sem imagem de perfil

De Juskowiak a 13.02.2024 às 14:16

Ruben sem a "cara de bolachinha que cai bem a todo o mundo" não seria mesma coisa, hehehe.
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 13.02.2024 às 21:37

Sem imagem de perfil

De Juskowiak a 13.02.2024 às 14:21

Nação Valente, totalmente de acordo.

Gosto sempre dos seus artigos, sempre assertivos, "bem pensantes" à falta de melhor expressão, e requintados.

Ressalve-se no entanto as boas condições que Varandas tem dado a Rúben. E o excelente scouting que claramente tem trabalhado em Alvalade.

O futebol que estamos a jogar este ano vai beeeeeem além do Euromilhões Gyokeres. Ainda ontem estava a ver o jogo do Antas, e de todos aqueles quais seriam titulares do Sporting? Diogo Costa, João Mário e talvez Pepê? Nem mais um.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.02.2024 às 16:55

Juskowiak

Não há dúvida que Varandas tem procurado dar as melhores condições a Rúben Amorim. Mas também não há dúvida que se soube rodear de uma equipa competente que faz o trabalho na sombra. Embora Varandas e Rúben sejam as caras mais visíveis, o êxito tem de ser repartido por muita gente "anónima",
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 13.02.2024 às 16:50

Amigo Nação Valente

Subscrevo na totalidade a excelência do seu pensamento em relação à excelência do nosso treinador. E, não querendo sobrepor-me ao seu texto, permita-me que faça aqui uma recordação.

Em Novembro de 2020, aqui no Camarote Leonino, escrevi um post sobre Rúben Amorim onde, entre outras coisas, escrevi:

"É um treinador que demonstrou uma personalidade vincada, com ideias definidas e um discurso fluido e comunicativo. Para os mais atentos está ali, ao nível da qualidade e do potencial, um treinador com algo de diferente e com um futuro muito promissor.
Despender uma verba elevada com algo que nos dá rendimento é um investimento, que no futuro, conforme a rentabilidade, poderá muito bem vir a compensar. E na contratação de Rúben Amorim não duvido que o seu elevado custo, foi um investimento que futuramente será rentável, como aliás já se começou a verificar na valorização dos activos e na imagem que é transmitida pela equipa."

Hoje, passados mais de 3 anos, não altero uma "vírgula" no meu pensamento e o seu texto é a confirmação dessa realidade.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.02.2024 às 19:02

Amigo Leão do Norte

Não é necessário alterar uma "vírgula" ou qualquer outro sinal de pontuação, ou até qualquer palavra. Tudo o que escreveu está comprovado. Rúben Amorim foi, de facto, um grande investimento em termos desportivos e financeiros, que a Direcção que o contratou pretende manter. Vamos ver até quando.
Sem imagem de perfil

De O fala verdades a 13.02.2024 às 17:36

Era a direção do Sporting, aguenta lo por mais tempo, sei que é difícil,aguenta lo mas nao é impossível, pagando lhe mais ,e nao sai caro, originando mais receitas, quando ele saisse pela porta grande, o sporting ao vender, compensando o monetariamente, o Sporting futebol nao e a mesma coisa de ha uns anos atraz ,do tempo do apito dourado, e das toupeiras, ao minimo deslize a equipa caia, acho que ao sporting chegou a cultura de ganhar, como esta na origem do clube tem agora uma capa protegida de trabalho e vitoria sem esquemas, se o sporting nao for campeao, ou por esquemas fraudolentos do rival, ou por azar ,ou uma recaida, mas nao acredito que o amorim deixe cair, ainda e cedo, o rival tambem tem uma boa equipa gasta muito mais , tenho medo dos padres
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.02.2024 às 19:12

O fala verdades

Penso que a Direcção do Sporting fará o que for possível para manter Rúben Amorim, até final do contrato .De facto esta equipa tem um espírito vencedor, mas como sugere ainda estamos longe do fim e há muitos imponderáveis. Vamos jogo a jogo.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 13.02.2024 às 17:36

Amigo Nação Valente

Rúben Amorim revela a sua competência profissional e maturidade pessoal na forma como a equipa sportinguista se superioriza no campo aos seus adversários, mas também na forma como ele analisa publicamente cada jogo, as diversas situações competitivas, a vitória e, principalmente, a derrota. Quando se confronta com o insucesso da equipa não se esconde, não inventa desculpas nem se arma em vítima, é frontal, claro e preciso. Isto tudo de maneira sempre cordial, serena e inteligente.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.02.2024 às 19:22

Amigo Leão Zargo

Que melhor síntese se pode fazer de Rúben Amorim, da sua postura e das sua competência, que a que faz?
Para além das suas capacidades tem evoluído e está cada vez mais competente nas suas funções. Foi um "achado" para o Sporting.

Sem imagem de perfil

De Luís Carvalho a 13.02.2024 às 18:02

Creio que não há um Sportinguista que não aprecie o trabalho que Rúben Amorim tem feito no Sporting, mas ser um treinador de “ excelência” é na minha opinião um pouco exagerado. Gosto muito da sua frontalidade, da forma como cria o grupo, como o gere, mas para chegar à “ excelência” é preciso sempre atingir objectivos e basta olhar para a época passada para perceber que não está lá. Só espero que no final desta época eu possa concordar com a excelência. SL.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.02.2024 às 19:35

Luís Carvalho,

Considero, por experiência, que a avaliação é sempre subjectiva, por mais rigorosos que queiramos ser. Grosso modo, a performance de um treinador mede-se pelos títulos que conquista. A adjectivação que lhe atribuo resulta da apreciação de vários itens, que englobam todo o trabalho feito no Sporting até agora. Mas admito que haja outras avaliações.
,
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 13.02.2024 às 21:59

-"..mas para chegar à “ excelência” é preciso sempre atingir objectivos e basta olhar para a época passada para perceber que não está lá."-
Uff!..
Perdeu à ultima hora M.Nunes e já tinha perdido...
Perdeu Porro a meio da temporada.
Teve que recompôr a equipa.
Terminou o campeonato bem, de tal forma que até nos pôs ainda a sonhar com a classificação à Champios L.
Ainda conseguiu construir um Diomande, um Ugarte...

P.S. Sem ovos, não há excelência, tá claro!. Ou há alguém que o consiga?.
Sem imagem de perfil

De RCL a 13.02.2024 às 19:21

Nação Valente
Amorim, a propósito das considerações de Deco, reconheceu que apenas tem 4 anos de treinador, está no principio da carreira, ainda pouco experiente. Treinador de excelência é um pouco exagerado.
Otto Glória que fez uma carreira brilhante no Brasil e em Portugal(levou a seleção ao 3º lugar no mundial de 66), dizia :" o treinador hoje é bestial, amanhã é uma besta".

Excelente é Abel que tem feito uma carreira "a pulso", percorreu todos os degraus até chegar a campeão do Brasileirão e taça dos Libertadores( sem esquecer que foi campeão dos júniores pelo Sporting).

Todos, hoje, sublinho hoje, queremos Amorim por muitos anos no Sporting para continuar o projeto iniciado em 2019. Mas calma, o futebol não é uma ciência exata. Como o próprio diz :"jogo a jogo". E que a sorte esteja sempre do nosso lado
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.02.2024 às 19:49

RCL

A avaliação que faço de Rúben Amorim, naturalmente subjectiva, resulta da apreciação que faço de todo o seu trabalho, do qual resultaram títulos, sem grandes meios. Ainda é um técnico em construção, mas o que está a fazer no Sporting é digno de relevo. Se merece, ou não, a classificação de excelente o tempo dirá.
Sem imagem de perfil

De RCL a 13.02.2024 às 23:02


Tive um professor na Faculdade que não dava mais de 18(18 naquele tempo), dizia ele : 19 é para mim; 20 para génios, se aparecer algum mando internar .

Amorim tem tudo para chegar à excelência, sobretudo tem os pés bem assentes na terra.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D




Cristiano Ronaldo