Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Paixão leonina

Leão Zargo, em 12.09.22

Paixão Sporting.png

O poeta Herberto Helder recordou que os gregos antigos não escreviam necrológios. Quando alguém morria perguntavam apenas: "Tinha paixão"? Para eles, tudo devia estar provido de paixão e tudo aquilo que não estivesse era censurável. Na verdade, o que contribua para o aprofundamento da paixão leonina é um investimento no futuro. Pedro Porro e Paulinho não serão sportinguistas desde "pequeninos", mas são generosos e têm um grande coração de leão como se vê nesta fotografia com o menino apanha-bolas que tanto chorou no dia da derrota com o Chaves.

publicado às 14:30

Já não somos os “coitadinhos”!

Leão Zargo, em 09.09.22

22354056_CSCum.jpeg

Decorreram quatro anos desde que Frederico Varandas tomou posse como presidente do Sporting Clube de Portugal. Pouco antes, o Clube chegou a ser um caso de estudo pela autofagia, pela autodestruição que dilacerava uma instituição centenária. Depois, o tempo correu depressa e muita coisa aconteceu, grandes vitórias, também derrotas, mas o saldo no campo desportivo é francamente muito positivo. Agora, o grave passivo financeiro foi controlado e ultrapassado, a Academia prospera, as modalidades batem-se em inúmeras frentes, e principalmente o Sporting deixou de ser o “coitadinho” que estava condenado à “belenensização”.

Frederico Varandas tem o mérito de ter conduzido o Clube até ao estádio actual. Não leva a cabo uma presidência perfeita e isenta de erros, aliás isso é coisa que não existe, mas agora tornou-se mais fácil controlar a ocasião e as circunstâncias, nem um simples deslize tem consequências imprevisíveis. No Sporting quase tudo é motivo de discordância, de controvérsia e de conflitualidade, somos assim os sportinguistas, vivemos o Clube desta maneira, fonte de força e de fraqueza, mas já não somos os “coitadinhos” e constitui bom sinal sermos de novo temidos e até invejados.

A finalidade de todos nós, sportinguistas, tem de ser a mesma desde a fundação do nosso Clube: absoluto orgulho leonino e vontade férrea na procura da vitória. Não se pede uma unanimidade castrante e acéfala, mas uma unidade racional e inteligente. No desporto, como afinal na vida, não há tempo para parar, mas para seguir em frente com confiança, força, determinação e resiliência.

publicado às 14:30

Assembleia Geral do Sporting

Leão Zargo, em 20.07.22

SportingCP.jpg

Realiza-se em 24 de Julho de 2022 uma Assembleia Geral Comum Ordinária do Sporting CP, no Pavilhão João Rocha, desde as 9h15 até às 18h30. Têm acesso à Assembleia os sócios que efectuaram o pagamento das suas quotas até Junho de 2022. É Ponto Único da Ordem de Trabalhos a “Apreciação e votação do orçamento dos rendimentos, gastos e investimentos do Sporting Clube de Portugal, para o exercício de 1 de Julho de 2022 a 30 de Junho de 2023, elaborado pelo Conselho Directivo, acompanhado do Plano de Actividades e do Parecer do Conselho Fiscal”.

A documentação referente a este ponto está à disposição dos sócios para consulta no Centro de Atendimento, no Estádio de Alvalade, na Loja Verde e no sítio oficial do Sporting. As alterações propostas no orçamento “têm como objectivo a preservação da sustentabilidade do Clube, a necessidade de resiliência a choques externos, com o objectivo final de manutenção da competitividade desportiva e organizativa do Sporting Clube de Portugal”.

Está previsto um aumento mensal do valor da quota do Sócio Efectivo A no valor de 1 euro. Nos restantes escalões efectivos, proporcionalmente, será de 50 cêntimos no escalão B, de 33 cêntimos no escalão C e de 17 cêntimos no escalão D. As alterações não irão incidir sobre os escalões infantis e juvenis. A última alteração de quotas dos sócios sportinguistas verificou-se em 2006, apesar da inflação que depois se verificou, o que segundo a Direcção leonina torna inevitável proceder ao aumento em causa.

publicado às 14:30

A bola já salta…

Leão Zargo, em 07.07.22

Sporting 2022-23.jpg

A bola já salta e cada sportinguista imagina, propõe ou exige um determinado plantel. É bom que seja assim, revela o entusiasmo pelo jogo, a paixão pelo Clube. Palhinha saiu, é natural que outros saiam também, acontece todos os anos, alguns já entraram e outros virão ainda. St. Juste, Morita, Franco Israel e Rochinha já treinam em Alcochete, todos desejamos que a “novela” Trincão tenha um final feliz, mas muito ainda pode acontecer. Continua a faltar um avançado que jogue pelo meio, uma alternativa a Paulinho, mas que se integre na metodologia de Rúben Amorim.

O treinador leonino envolve todos os jogadores com confiança, organização e liberdade responsável nos posicionamentos, mantendo sempre a estrutura organizativa. Impõe um trabalho quotidiano programado, meticuloso, constante para que os jogadores exprimam em campo o que de máximo podem atingir. Cada atleta é uma peça de um relógio único e afinado revelador da dinâmica e da cooperação no jogo. O trabalho nunca será dado por terminado, a afinação é permanente, a humildade e cumplicidade do grupo serão testadas todos os dias.

Sendo o futebol um jogo simples, mas em constante evolução, encaro como muito provável que Rúben Amorim introduza algumas alterações no modelo de jogo. A identidade é uma coisa, o modelo é outra. Assim, havendo determinadas alterações, a equipa será arrumada de maneira diferente e surgirão novos protagonistas. Isto é próprio do futebol. Agora, uma coisa é certa, a pauta de música terá de ser lida por todos os jogadores do mesmo modo. Um colectivo que executa o jogo como uma estrutura única, coesa e eficaz.

publicado às 13:15

MCJ Academia.jpg

A comemoração do 20º aniversário da Academia Cristiano Ronaldo verificou-se numa altura de grande sucesso da formação leonina. Ultrapassada a fase de enorme incerteza e instabilidade, sob a coordenação de Paulo Gomes e Tomaz Morais foi teorizado e aplicado um projecto que, através da introdução de uma abordagem multidisciplinar com base nas Ciências do Desporto e Ciências Médicas, visa o desenvolvimento individual dos atletas. Trata-se do “Modelo Centrado no Jogador” (MCJ), que é um programa pedagógico e educacional que incentiva a conjugação da evolução desportiva com o progresso das suas habilitações académicas”. O futebol feminino integra também o projecto.

Segundo Tomaz Morais, o MCJ “é uma abordagem holística e científica aos nossos jogadores e equipas. Temos muitas áreas a realizar um fantástico trabalho. Queremos que os jogadores tenham boa educação, carácter, valores, disciplina, compromisso. Isso é muito importante para nós. Para o Sporting, a atitude é a qualidade mais importante dos jogadores. Onze jogadores da formação ganharam o Campeonato com a equipa principal. Não tenho palavras, foi um sonho para nós. Vencemos o Campeonato com os nossos jogadores da formação dentro da equipa. Foi muito importante para todos nós na Academia. Foi um momento muito especial e provámos o valor do MCJ”.

Esta abordagem multidisciplinar tem como meta final a identificação dos jogadores com a mística do Sporting e a evolução dos jovens atletas dentro e fora do campo de futebol, na perspectiva de fazer crescer a pessoa e o jogador.  Desenvolvendo o jogador, desenvolvem-se as equipas leoninas, potenciam-se as capacidades desportivas e intelectuais e contribui-se para que o ADN do Sporting seja cada vez mais forte, para que a formação do Clube seja todos os dias mais forte. O projecto “Modelo Centrado no Jogador” foi distinguido com o prémio internacional da Associação Europeia de Clubes, na Suiça em Setembro de 2021.

publicado às 14:30

Heptacampeões nacionais!

Leão Zargo, em 12.06.22

SCP Ténis de Mesa 2021-22.jpg

A equipa sénior masculina do Sporting teve uma época de grande sucesso, vencendo os três títulos nacionais: Campeonato Nacional, Taça de Portugal e Supertaça, para além de ter alcançado os quartos-de-final na Liga dos Campeões. A equipa leonina é a dominadora da modalidade em Portugal e heptacampeã nacional.

Diogo Carvalho, um dos atletas campeões, realçou a qualidade do trabalho colectivo como grande factor do sucesso: “Até parece que todos os anos são fáceis, mas é muito esforço, muita dedicação. Acabamos por mostrar na mesa que somos melhores do que as outras equipas.”  Na verdade, só assim se tornou possível o elevado nível técnico dos jogadores sportinguistas.

O treinador Chen Shi Chao veio para Portugal em 1989 através de um protocolo celebrado entre o Sporting e a Embaixada da China para ser treinador-jogador da equipa masculina leonina. Permaneceu no Clube até 1995, tendo regressado em 2000 para desempenhar as funções de treinador e coordenador da modalidade. Como sublinhou Juvenal Carvalho no jornal Sporting, é o “Senhor Ténis de Mesa” pelos inúmeros troféus e títulos conquistados nas últimas três décadas como jogador e treinador.

publicado às 14:30

Rúben Vinagre

Leão Zargo, em 02.06.22

Rúben Vinagre SCP.jpg

A Sporting SAD confirmou a aquisição de 50% do passe do futebolista Rúben Vinagre, ao Wolverhampton, por 10 milhões de euros. No capítulo do Relatório e Contas do terceiro trimestre de 2021/22 referente às contratações de jogadores, a SAD leonina dá conta da aquisição de metade dos direitos económicos do jogador, que assinou um contrato válido até 30 de Junho de 2026.

A opção de compra na cedência temporária do jogador tornou-se obrigatória pois o acordo de cedência do lateral pelo Wolverhampton incluía uma cláusula de compra que se tornava então obrigatória mediante “determinados objectivos individuais ou colectivos”. Segundo Record, um desses objectivos passava pela qualificação para os oitavos-de-final da Liga dos Campeões.

Rúben Vinagre chegou aos leões no início da época passada e no total disputou dezoito jogos e fez duas assistências. Apesar de ter arrancado a época como titular - sete vezes nos primeiros nove jogos -, esteve um longo período lesionado e, depois de recuperado, só entrou no onze inicial em dois jogos da Taça e outro da Taça da Liga. Bicampeão europeu por selecções jovens de Portugal, Rúben Vinagre é um lateral esquerdo bastante evoluído tecnicamente, mas que revelou debilidades no processo defensivo. Pode também alinhar a médio ou a extremo esquerdo.

publicado às 14:30

“Vamos encher o Jamor”

Leão Zargo, em 27.05.22

Supertaça 2021.jpg

O Sporting e o Famalicão disputam a final da Taça de Portugal feminina a partir das 17h15 de sábado. Para chegar ao Estádio Nacional, as leoas eliminaram UD Polvoreira, Condeixa, Valadares Gaia, Marítimo e SC Braga. Frente ao Famalicão, para o Campeonato Nacional, o Sporting perdeu em casa (0-1) e venceu fora (1-2). No Jamor vai haver desempate!

A equipa leonina pretende conquistar o troféu pela terceira vez. Diana Silva, presente nas duas conquistas anteriores, salientou a qualidade do Famalicão e vincou a importância do momento para todas as envolvidas. “É sempre difícil transmitir alguma coisa. É um jogo que todas as jogadoras querem jogar, é sempre especial. É uma competição diferente, e acho que vamos todas um bocadinho ansiosas”, reconheceu.

O Sporting acredita que esta final da Taça de Portugal pode ser um marco na história do futebol feminino português. Depois de o último Benfica - Sporting ter batido o recorde de assistência num jogo oficial (14 221 espectadores), os leões lançaram uma iniciativa para amanhã conseguir superar esse número. Para isso, está em marcha a campanha “Vamos encher o Jamor”, com bilhetes ao preço simbólico de 1 euro, para sócios e adeptos.

Na fotografia, a festa leonina da conquista da Supertaça frente ao Benfica (2-0).

publicado às 14:30

Alvaro Cardoso final TP 1947-48.jpg

Álvaro Cardoso foi o capitão da selecção nacional que perdeu com Inglaterra por 10-0 num jogo disputado no Estádio Nacional em 25 de Maio de 1947. Aos 20 segundos de jogo, Portugal perdia por 1-0 e aos 15 minutos o resultado já estava em 3-0. Os jogadores foram acusados de rebelião e de não se terem empenhado, o governo mandou abrir um inquérito, a PIDE entrou em acção e houve interrogatórios na sede da polícia política. Entre outras coisas, os jogadores queixaram-se do autoritarismo e da falta de diálogo dos dirigentes da Federação e por não serem justamente recompensados pela sua participação no jogo.

Durante o interrogatório, Álvaro Cardoso assumiu o seu estatuto de capitão da Selecção Nacional, e por essa razão foi considerado o principal responsável pelo fraco desempenho colectivo. O Sporting meteu empenhos para que ele não fosse irradiado do futebol, ficando por um castigo de doze meses de proibição de participar em competições desportivas oficiais. Mais tarde, a suspensão passou para seis meses. Outros jogadores também foram punidos, embora com penas mais leves.

Álvaro Cardoso apenas voltou a jogar futebol em 15 de Fevereiro de 1948, num Sporting - Lusitano VRSA, e esteve na vitória leonina frente ao Belenenses (3-1) na final da Taça de Portugal, em 4 de Julho de 1948. Depois da entrega da taça, os jogadores das duas equipas transportaram-no em ombros numa volta olímpica no relvado do Jamor. Nesse dia, despediu-se dos adeptos como jogador de futebol, mas voltou ao Sporting para trabalhar com Randolph Galloway, como Orientador Técnico, sendo Campeão Nacional nas épocas de 1950-51, 1951-52 e 1952-53.

Na fotografia, os jogadores do Sporting e do Belenenses depois de ter terminado a final da Taça de Portugal em 1947-48.

publicado às 17:34

Trincão

Leão Zargo, em 23.05.22

Trincão.jpg

Francisco Trincão é um desejo antigo de Rúben Amorim, mas a administração do Sporting tem uma missão difícil para conseguir o empréstimo do jogador. O Barcelona, clube que é o detentor do passe do internacional português, agora pretende recuperar o investimento realizado e não encara com bons olhos um novo empréstimo. Na época que agora termina, Trincão esteve cedido ao Wolverhampton, a troco de 6 milhões de euros, mas os Wolves não vão exercer a opção de compra de 30 milhões de euros.

Rúben Amorim, que conhece bem o jogador com quem trabalhou na temporada 2019-20, considera-o como o jogador ideal para colmatar a saída de Sarabia. O projeto leonino parece atrair Trincão, nomeadamente a aposta em atletas ainda jovens e a valorização dos mesmos, para além da estabilidade que o Clube vive actualmente e a presença na próxima edição da Liga dos Campeões. Segundo a imprensa, o jogador conversou com o treinador do Sporting e concordou em jogar de leão ao peito na próxima época.

publicado às 13:13

Na Loja Verde!

Leão Zargo, em 23.05.22

casaco-all-green-edition.jpeg

All Green. Uma abordagem que permite transportar a linguagem visual do Sporting Clube de Portugal na roupa do dia-a-dia, de uma forma extremamente sóbria e discreta. ​

Com diferentes identidades aplicadas em cada uma das peças que formam esta "Edition", a sobreposição de tons surge com um carácter metafórico, referindo-se ao reforço e ao enfatizar de uma ligação emocional verdadeiramente distinta: Green Over Green.

Na fotografia, Martim Costa (andebol).

publicado às 13:12

Devido a problemas técnicos com o seu computador, o Rui Gomes está impossibilitado de publicar os habituais textos durante um ou dois dias. Pedimos a compreensão dos nossos leitores, com a certeza de que ele regressará com energia redobrada.

Saudações Leoninas

publicado às 16:41

O “corno” que saiu da boca de Vítor Baía

Texto na página do Facebook de Luís Osório

Leão Zargo, em 21.05.22

O corno.jpg

1. O presidente do Sporting, Frederico Varandas, parece ter sido apertado na garagem do Estádio do Dragão por Rui Cerqueira, Sérgio Conceição (que desmente ter lá estado com enorme veemência) e por Vítor Baía, uma das maiores lendas do futebol português.

Parece que o telemóvel de Varandas terá voado e alguém ter-lhe-á encostado a cabeça. O Sporting fez queixa e no processo fala-se dos gritos, das ameaças e até se descreve ao pormenor o que cada um terá dito.

Vítor Baía em matéria de “trinta e um de boca”, a ser verdade o que vem nos relatórios, bateu toda a gente aos pontos.

Indignado com Varandas ameaçou-o com um “anda cá cabrão, rebento-te todo”. Se isto já era mau, Vítor conseguiu finalizar em apoteose - “corno, és um corno. Rebento-te todo, corno”.

2. Caro Vítor.

Perdoa-me antecipadamente por te tratar como se nós fossemos próximos ou até nos conhecêssemos.

Nunca nos cruzámos, nunca trocámos uma frase que fosse, mas somos da mesma geração, eu mais novo dois anos embora não pareça pois quando o país te vê no alto do teu quase 1,90, magro, fit, com casacos com o corte justo, pareces ser bem mais novo do que eu.

Depois a tua simpatia, a tua capacidade de comunicar, a eloquência e a preparação que te distinguem dos velhos dirigentes cujo paleio é próprio de uma outra época, um tempo dos dirigentes e jogadores de bigode, dos pelados e peladinhas, dos mercedes e da ditadura da construção civil, dos jogadores tratados como se fossem gado, do cacau, do pilim em malas, do graveto a circular.

Quando a malta te vê acredita que o futuro será diferente.

Que o futebol português deixará de ser troglodita com a chegada da tua geração à liderança dos grandes clubes.

3. Não me julgues mal, Vítor.

Não é que acredite em santinhos e aparições. Sei que o futebol é um mundo à parte e que não se pode “comer e calar” ou ser “tenrinho” sob pena de nada se ganhar, o que é intolerável para portistas, benfiquistas e agora até para sportinguistas.

Mas “corno”?

Corno” não é para ti, Vítor.

Corno” ou “rebento-te todo” é para “machonitos” e gorilas para quem a virilidade se faz das afirmações e do cabedal moldado em ginásios e caixas de comprimidos que insuflam.

4. Fiz há uns anos uma reportagem na Casa de Saúde Mental do Telhal e no pavilhão dos inimputáveis, os doentes ficaram nervosos com a minha presença. À minha saída um qualquer começou a gritar “ó careca és um corno”.

E logo a seguir um outro repetiu.

Corno”

“Corno”

“Coooorno

E já imaginas o resto.

Saí de lá com a malta louca de satisfação e de virilidade.

5. Vítor, tu serás um dia presidente do FC. Porto.

Depois desta salganhada na garagem diria até que ninguém te derrota quando chegar o momento.

Mas não repitas isso.

Os miúdos veem-te como um exemplo.

E têm de ser as pessoas como tu a provar que o mundo pode ser mudado, que podemos ser melhores.

Mais inteligentes.

Mais respeitadores das diferenças de género.

Menos racistas e menos rascas.

Mais globais e mais capazes de se adaptarem a um mundo tão diverso.

Pensa nisto.

Não ponhas um bigode - não ficas bem de bigode, Vítor.

A sério.

Vai por mim.

Mal por mal, numa próxima vez que te indignes com alguém, até palhaço é preferível a “corno”.

“Corno” é a palavra mais usada pelos gajos que matam as mulheres por acharem que o são.

Não perpetues o que nos faz animais.

Luís Osório

publicado às 14:45

O Sporting joga amanhã… (1ª Liga 2021-22)

Sporting - Santa Clara, 14 de Maio de 2022, às 20h30

Leão Zargo, em 13.05.22

Sporting 2 Santa Clara 1 2020-21 1ª Liga Coates.j

Sporting e Santa Clara defrontam-se amanhã para a 34ª jornada da 1ª Liga. No jogo entre as duas equipas na época passada, em Alvalade, os leões conseguiram uma vitória difícil por 2-1. Pedro Gonçalves marcou na 1ª parte, Rui Costa empatou aos 84 minutos, mas valeu o golo já nos descontos de Seba Coates que, numa finalização cheia de argúcia e de oportunismo na pequena área, acertou com a baliza dos açorianos. O capitão voltou a ser decisivo, talvez com alguma sorte, no entanto, como se sabe, só quem a procura é que a encontra.

Apesar da posição do Sporting na classificação já estar definida, o confronto de amanhã é para ganhar por inúmeras e boas razões, para além do brio profissional e do respeito pelos adeptos, também se revela como importante para terminar a presente época igualando a pontuação da anterior. O Santa Clara apresenta-se em Alvalade disposto a conquistar o 7º lugar, com o aval de não perder há cinco jogos consecutivos. A equipa leonina é mais forte, mas o futebol tem uma regra muito simples: nunca dar por vencido um jogo que ainda não se realizou.

Ainda esta época não acabou e cada um de nós já imagina a próxima. Há jogadores que vão sair e outros que vão entrar. Jeremiah St. Juste e Fatawu Issahaku estão certos, Morita parece que também, fala-se muito de Fran Navarro, de Trincão... E ainda há os que serão promovidos, para além dos que regressarão de empréstimos. Miguel Braga, Responsável de Comunicação do Sporting, sintetizou o momento actual: “Ganhámos a Supertaça e a Taça da Liga, mas mesmo assim o treinador queria mais: a final da Taça e o primeiro lugar. Temos de continuar a batalhar da mesma forma, cada vez mais unidos e juntos. Esta exigência que tem com a sua equipa, é bom que contagie toda a gente e que cada vez sejamos mais exigentes com os resultados que a equipa pode alcançar.” É este o caminho. Confiança!

Na fotografia, o capitão Coates em acção no Sporting - Santa Clara disputado em 2020-21.

ADENDA

Na conferência de imprensa de antevisão ao jogo, Rúben Amorim revelou o 'onze' inicial para amanhã:

 João Virgínia, Nuno Santos, Inácio, Seba (Coates), Neto, Porro, Bragança, Palhinha, Pote, Sarabia e Tabata.

publicado às 14:30

O Sporting joga amanhã… (1ª Liga 2021-22)

Portimonense - Sporting, 7 de Maio de 2022, 20h30

Leão Zargo, em 06.05.22

Portimonense 0 Sporting 2 2020-21 1ª Liga 3ª j..

Sporting e Portimonense defrontam-se amanhã para a 33ª jornada da 1ª Liga. Em 2020-21, em Portimão, os leões venceram por 2-0 com golos de Nuno Mendes e Nuno Santos, logo aos 5 e 11 minutos de jogo. A equipa leonina, que dias antes tinha sido derrotada pelo LASK, entrou em campo disposta a resolver a contenda e a demonstrar o seu valor. Nuno Mendes estreou-se a marcar na competição, sendo considerado o melhor em campo. Os jogadores interpretaram com competência o que lhes foi exigido e foram muito superiores ao adversário. Tratou-se da 3ª jornada do campeonato e Sporting e Benfica continuaram em igualdade pontual no cimo da classificação com nove pontos cada.

A partida em Portimão é importante para o Sporting como tantas outras que disputou esta época. Nação Valente escreveu no Camarote Leonino, com muito sentido de oportunidade, que “até ao lavar dos cestos é vindima”. Se bem que a questão do título de campeão pareça estar resolvida, em competição deve ser assim mesmo e porque uma boa prestação desportiva no final desta época insere-se na preparação da próxima. Como é habitual, há jogadores que vão sair e outros que vão entrar, é sempre assim, mas o núcleo estruturante já lá está, por certo projecta-se melhor o futuro num ambiente desportivamente optimista e motivador para todos os participantes. E como salientou Leão do Norte, “a cultura de vitórias e o sucesso desportivo não ligam com intervalos no esforço competitivo”.

Na fotografia, imagem do Portimonense 0 - Sporting 2 disputado na época passada.

publicado às 14:30

O Sporting joga amanhã… (2021-22)

Sporting - Gil Vicente, 1 de Maio de 2022, às 20h30

Leão Zargo, em 30.04.22

Sporting 3 Gil Vicente 1 2020-21 1ª Liga Coates.j

Sporting e Gil Vicente defrontam-se amanhã em Alvalade para a 32ª jornada da 1ª Liga. No jogo em Alvalade entre as duas equipas na época passada, os leões venceram por 3-1. Foi uma vitória difícil, os gilistas até marcaram primeiro, aos 52 minutos, mas em dois minutos (82 e 84) Andraž Šporar e Tiago Tomás viraram o marcador que Pedro Gonçalves confirmou nos descontos. Tratou-se de um jogo em atraso, e com este resultado o Sporting ascendeu ao 2º lugar da classificação com 13 pontos, a dois do Benfica.

No final do jogo com o Boavista, questionado sobre a derrota do Porto em Braga, Rúben Amorim considerou que “o foco está no que temos de fazer. A seguir temos um jogo com o Gil Vicente e temos de voltar ao nosso nível, às nossas vitórias. Não muda assim tanto no que nós temos de fazer. Faltam três jornadas e, portanto, temos de nos focar no segundo lugar, que é muito importante para nós”. Segurança defensiva, pressão, posse de bola no meio campo do adversário com boa dinâmica ofensiva para criar situações de finalização para golo.

O Gil Vicente vai apresentar-se em Alvalade de maneira semelhante à da Luz e de Braga (onde venceu) e do Dragão (onde empatou): reforço defensivo com quatro defesas e dois médios mais recuados (Vítor Carvalho e Pedrinho), Fujimoto à frente deles, dois alas e um avançado solto à procura da sua oportunidade. Um guarda-redes seguro, boa ocupação do meio campo e grande agressividade nos duelos individuais. Fora de casa com o Benfica, Braga e Porto para a 1ª Liga, os gilistas marcaram quatro golos e sofreram dois golos. Um jogo muito difícil para o Sporting.

Na fotografia, Coates e Fujimoto no Sporting 3 - Gil Vicente 1 disputado em 2020-21.

publicado às 14:30

sérgioconceição.jpg

No final do último jogo entre o Braga e o Porto repetiram-se as cenas (mais do que) deploráveis a que os portistas já nos habituaram. Entre outras coisas, para além da falta de desportivismo, tratou-se de preparar o jogo seguinte pressionando de antemão a equipa de arbitragem que vai ser nomeada.

Sobre o comportamento de Sérgio Conceição, Luís Gonçalves e Pepe no final do jogo em Braga, ao dirigir-se à equipa de arbitragem liderada por Hugo Miguel, o diretor de comunicação do Sporting, Miguel Braga, questionou o Conselho de Discplina da FPF:

«É estranho, para não dizer outra coisa, que sempre que o FC Porto perde pontos temos este espetáculo didático para mostrar ao público português. Mas é impossível falarmos de Sérgio Conceição, Luís Gonçalves e Pepe sem falar do Conselho de Disciplina. O Nuno Santos foi suspenso por insultar um colega, o Matheus Reis foi suspenso porque fez um gesto a um colega. Agora o treinador do FC Porto insultou, gozou e enxovalhou de propósito o árbitro. Agora não há castigo? Quanto tempo vamos esperar para que seja aplicada alguma coisa a Sérgio Conceição?»

Ainda um dia destes, fingindo-se indignado, Sérgio Conceição garantiu que “não vale tudo para ganhar”. Como diz o outro, “faz o que eu digo, mas não faças o que eu faço”.

publicado às 10:49

Edwards!

Leão Zargo, em 27.04.22

22288659_ZvUYs.jpeg

O futebol é um desporto colectivo e o “jogo” de uma equipa é muito mais do que a simples soma das partes. O contributo individual optimiza aquilo que todos desenvolvem em conjunto. No jogo no Bessa, Marcus Edwards pela terceira vez foi considerado “o melhor em campo”, o que é verdadeiramente notável, de se lhe “tirar o chapéu”!

publicado às 09:03

22288652_Y7W4e.jpeg

Um Rapaz Magro, Esguio, de Uma Calma Britânica - Biografia de José Alvalade”, de Luís Costa Dias, Paulo J. S. Barata e Vasco Borges de Campos, Editor: Contraponto Editores, Edição: Abril de 2022.

Assinada por historiadores da Universidade Nova e da Biblioteca Nacional, esta biografia do fundador do Sporting conta com documentos inéditos do arquivo pessoal do visconde de Alvalade, ao qual os autores tiveram acesso exclusivo.

A vida de José Alvalade era até hoje praticamente desconhecida, mas o aparecimento recente do arquivo pessoal do Visconde de Alvalade, seu avô, permitiu revelar fotografias e cartas inéditas, e muitas facetas da sua vida privada.

Profusamente ilustrada com imagens e documentos da época, esta biografia é o retrato de corpo inteiro de José Alvalade, que nos permite acompanhar o seu percurso de vida e os projetos a que meteu ombros, e dentre eles o maior, a criação e projeção do Sporting Clube de Portugal.

publicado às 08:48

O Sporting joga amanhã… (1ª Liga 2021-22)

Boavista - Sporting, 25 de Abril de 2022, 20h30

Leão Zargo, em 24.04.22

Boavista 0 Sporting 2 2020-21 1ª Liga golo de P.

O Sporting e o Boavista defrontam-se amanhã para a 31ª jornada da 1ª Liga. Em 2020-21, no Estádio do Bessa, os leões venceram por 2-0, com os dois golos marcados por Nuno Santos e Pedro Porro. Foi no jogo em que Fábio Veríssimo admoestou Palhinha com um cartão amarelo que depois, o próprio árbitro, reconheceu ter sido mal mostrado. Com este resultado, o Sporting manteve a liderança na classificação com quatro pontos de avanço sobre o Porto e seis sobre o Benfica.

Tradicionalmente, o Bessa é um campo difícil, mas com humildade, garra, racionalidade e coragem os leões ficarão mais perto de vencer. Espírito coletivo tem de ser a palavra chave que define o momento sportinguista. Isso todos sabemos de ciência certa. Nestes últimos jogos decisivos com o Benfica e o Porto, a equipa pareceu estar sem fôlego anímico e alguns jogadores em quebra física. A instabilidade à volta de Slimani não ajuda à concentração e foco naquilo que é essencial, mas amanhã o jogo é para ganhar e quem é resistente o acaso vai ao seu encontro e fica mais perto do triunfo. Paulinho e Pedro Porro não vão alinhar por motivo de castigo federativo.

A intervenção de Rúben Amorim no final do jogo no Dragão foi bem reveladora. Ainda há muito por jogar esta época e que não pode ser perdido. Confirmar com o Gil Vicente o acesso directo à Champions. Todos nós queremos ganhar tudo, mas o essencial é estar sempre na luta até à fase final das decisões. É isso que possibilita as conquistas de títulos, sabendo que não há nenhuma equipa que ganhe tudo todos os anos. Rúben Amorim continua igual a si próprio, como o conhecemos desde o seu primeiro dia em Alvalade. Com liderança, em pouco tempo foi capaz de criar um futuro para o Sporting feito de exigência de vitórias.

Na fotografia, Pedro Porro no Boavista - Sporting disputado em 2020-21.

publicado às 14:30

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds