Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Varandas dobrou o Cabo das Tormentas

Rui Gomes, em 09.09.21

Screenshot (297).png

Há três anos por esta altura, o Sporting mobilizava-se para as eleições mais concorridas da sua história. Foi no dia 8 de Setembro de 2018, quatro meses após o ataque à Academia, quando mais de 22 mil sócios corresponderam à chamada para escolherem o sucessor de Bruno de Carvalho e da Comissão de Gestão.

Eleito pela maioria dos votos mas não dos sócios, Frederico Varandas nunca saboreou um verdadeiro 'estado de graça. Os problemas multiplicaram-se à medida que os meses iam passando e, não fossem as duas taças conquistadas em cima das feridas de Alcochete, a contestação potenciada pelo diferendo com as claques e pelos apoiantes de BdC poderia mesmo ter provocado nova crise directiva.

Com graves dificuldades financeiras, uma herança pesada em várias frentes e opções desportivas erradas, o segundo ano de Varandas ficou marcado pela saída prematura de Marcel Keizere pela venda falhada de Bruno Fernandes no Verão (seria consumada em Janeiro), factos que, aliados aos maus resultados da era Silas, colocavam a actual Direcção no fio da navalha em Março de 2020. E foi neste momento que o paradigma começou, verdadeiramente, a mudar.

Screenshot (296).png

Ponto de viragem

A aposta arriscada em Rúben Amorim, que implicou então um investimento superior a 10 milhões de euros, não deu resultado logo de início mas compensou totalmente na segunda época, com a histórica conquista do título nacional, 19 anos depois. O impacto da vitória na Liga, em conjunto com o grande trabalho desenvolvido na formação e nas modalidades, ajudaram Varandas a dobrar o Cano das Tormentas. E de tal maneira que, à entrada do final deste primeiro mandato, o presidente, de 41 anos, já prepara a recandidatura.

Se o próximo acto eleitoral vier a ser realizado dentro da janela prevista pelos Estatutos, o Sporting vai a votos entre 1 de Março a 30 de Abril 2022. A recandidatura de Frederico Varandas é praticamente certa.

Igual à soma dos dois rivais

Se as conquistas nas modalidades têm sido uma das bandeiras da Direcção de Varandas, os troféus no futebol assumiram um peso determinante no ressurgimento desportivo do Sporting nos últimos anos. Tanto assim que, neste momento do mandato do actual presidente, o Clube já soma tantos títulos (5) como FC Porto e Benfica juntos. Os leões ganharam a histórica Liga em 2020/21, juntaram-lhe a Supertaça a 31 de Julhoe antes já haviam arrecadado uma Taça de Portugal e duas Taças da Liga.

publicado às 03:19

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


36 comentários

Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 09.09.2021 às 16:17

leão do norte,

Relembro que no jogo do Vizela, o Sporting disponibilizou bilhetes para sócio sem gamebox no dia do próprio jogo..... pergunto se isto é promover sportinguistas em Alvalade?
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 09.09.2021 às 16:24

Schmeichel,
O meu comentário foi precisamente a alertar para a necessidade de melhor promover a ida dos sportinguistas a Alvalade.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 09.09.2021 às 18:57

Como já referi, compreendo que a vida custa a todos e que os meios ao alcance diferem.

Dito isto, no entanto, não vejo que a ida a Alvalade de sportinguistas, especialmente com a equipa que temos nesta altura, necessite de promoção.

O adepto quer ou não quer ir, pode ou não pode ir, vai ou não vai. Tão simples como isso.
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 09.09.2021 às 19:22

A utilização do termo promover não está relacionada com marketing, mas antes com facilitar. E não estou a falar de aspectos económicos.
Quando se está longe de Lisboa tem de existir uma programação atempada da ida, não é uma decisão que se tome no próprio dia. Convém facilitar a possibilidade de, atempadamente, ter certezas para essa programação.
Mas como estamos a começar o regresso aos estádios e não há fórmulas perfeitas, certamente que todos nos vamos ajustar e aumentar a adesão aos jogos.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.09.2021 às 20:15

Sendo eu um adepto fora de Lisboa, muito fora mesmo, mas indo a Lisboa nos próximos tempos pretendo ter a questão do bilhete resolvida antes sequer de entrar no avião! É como o Rui diz depende da vontade, do valor, do receio que possa ainda haver em relação à pandemia.
Perfil Facebook

De Fúlvio Amaral a 09.09.2021 às 20:16

O último comentário foi meu
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 09.09.2021 às 20:40

"pretendo ter a questão do bilhete resolvida"
Fúlvio, esse é o ponto. Independentemente da vontade ou do valor.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 09.09.2021 às 21:25

Um outro factor importante que deixei omisso: a pandemia. É certamente uma dúvida que não pactua bem com todos os adeptos, compreensivelmente.

E, sim, também compreendo que para quem está lone de Lisboa, é um percurso que necessita de ser bem programado.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo