Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

informationtechnology.jpg

 

O nosso amigo José Duarte (Leão de Alvalade) apresentou uma sugestão sobre o que fazer com Alan Ruiz, neste seu post A Taça de bom-senso e como resolver a "questão Alan Ruiz" no blogue A Norte de Alvalade:

 

A "questão Alan Ruiz" 

 
Muito se tem falado de Alan Ruiz. Foi uma das aquisições mais dispendiosas do ano passado e vinha rotulado de craque. Porém tarda em justificar quer o rótulo, quer o preço, conseguindo apenas alguns lampejos de classe, de todo insuficiente para justificar a titularidade. Até ao momento JJ não tem sabido gerir bem este problema, uma vez que a cobrança sobre o jogador vem aumentando - o que deve ser entendido com toda a naturalidade - mas apesar disso o treinador continua a insistir nas presenças do jogador quer como titular, quer como suplente. 
 
No passado clássico, com o FC Porto, cheguei a temer o pior quando saltou do banco para o aquecimento. Naquelas circunstâncias - resultado desfavorável e necessidade de ganhar - e em Alvalade seria de todo desaconselhável e, a menos que um cada vez mais improvável golpe de génio surgisse, tinha tudo para correr mal.
 
O que fazer então com o jogador, quando se acumulam já rumores de saída, quando esta dificilmente será vantajosa para o clube, atendendo à baixa produção do jogador? Desistir não me parece para já apropriado, atendendo às circunstâncias já expostas e até mesmo porque se trata de um jogador com talento. Tendo em conta que há uma evidente falta de adaptação às exigências do futebol europeu, é claro que o jogador precisa de jogar o máximo de tempo possível mas em momentos em que a pressão seja menor.  
 
Como por exemplo nos jogos fora e de preferência quando resultado esteja encaminhado.  De igual modo nos jogos da Taça com equipas menores e Taça da Liga. E nas jornadas de jogos em casa porque não pô-lo a jogar na equipa B? O futebol da II Liga, apesar do menor índice técnico, algumas características com as quais Alan Ruiz precisa de saber lidar melhor, como são por exemplo a necessidade de luta e no contacto físico, aquilo que o adepto normalmente designa como "atitude".
 

publicado às 04:22

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Aracaçu a 09.10.2017 às 11:16

Caro Rui Gomes,

Também gosto muito de ler esse blogue e concordo maioritariamente c/ as considerações do caro Leão de Alvalade. É bem verdade aquilo que ele escreve acerca de Alan Ruiz. E derivado das mazelas que têm apoquentado a nossa frente de ataque, era importante que o avançado argentino melhorasse rapidamente nos aspectos físico, mental e táctico, porque ainda poderá ser um elemento de valia neste Sporting 2017/18. A necessidade aguça o engenho...

Cumprimentos..
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 09.10.2017 às 11:40

Bem... a esperança é a última a morrer, segundo o velho provérbio, mas não obstante a necessidade, temo que seja causa perdida. Alan Ruiz está na sua segunda época no Sporting e no futebol europeu. Tinha a obrigação de estar totalmente adaptado física e mentalmente para poder dar a sua contribuição à equipa ao nível que exige.

É muito possível que o Sporting tente algo com ele no mercado de Janeiro, o problema, no entanto, poderá ser a ausência de interesse dado o seu elevado custo e, claro, o nível de performance até ao momento.

Nem vale a pena falar do irmão que veio integrado no pacote e que anda a passear por Alcochete.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo